Em dias de calor, uma Smoothie Bowl é uma das minhas opções favoritas. Após estes dias de chuva, o sol resolveu espreitar e eu aproveitei logo para preparar esta delícia!

O conteúdo da mesma vai variando conforme o meu mood aquilo que tenho no frigorífico.

Queres começar a fazer as tuas Smoothie Bowls? Então presta atenção:

• Escolhe o líquido – água, bebida vegetal, leite, chá verde, etc
• Escolhe uma fonte de proteína – whey, proteína vegetal, clara de ovo em pó, iogurte Grego/Skyr/Quark
• Escolhe uma fonte de hidratos (sob forma de fruta) mirtilos, framboesas, morangos, abacaxi, kiwi banana, maça, manga, etc
• Escolhe uma fonte de vegetais – espinafres, couve, abóbora, pepino, aipo, couve kale, cenoura, beterraba, etc
• Escolhe uma fonte de gordura – frutos secos, manteigas de frutos secos, linhaça, leite de coco, abacate
• Escolhe um topping (opcional) – lascas de coco desidratado, pepitas de cacau, granola, canela, etc

Depois é só triturar todos os ingredientes até obter uma textura cremosa e sem pedaços.
Regra Geral uso sempre a mesma proporção de fruta e de vegetais, isto é, se escolhi duas frutas coloco dois vegetais também.

Queres saber o que leva esta Smoothie Bowl? Espreita aqui a receita:

Green Smoothie Bowl

Ingredientes

  • 50ml de bebida vegetal ou água
  • 1 chávena de espinafres (20gr)
  • 1/4 de Pepino (50gr)
  • 1/2 Chávena de abacaxi (100gr)
  • 1/2 Banana
  • 25gr de Super Green Protein da Iswari

Preparação

Colocar tudo numa liquidificadora e triturar.

Servir com toppings favoritos

http://elecozinhaelalava.pt/2018/03/07/green-smoothie-bowl/

Eu servir com Queijo Quark, Sementes de Cânhamo, lascas de coco e Kiwi Gold.

 

Compra os produtos ISWARI online em www.iswari.pt e tem 10% desconto em todos os produtos usando o código ELEELA10.

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

Para quem não gosta muito de Papas de Aveia, esta é uma excelente opção para incorporar a aveia tua alimentação. Esta opção assemelha-se a uma espécie de Crumble com frutos silvestres.

Esta Aveia no forno é crocante, deliciosa e vegan. Feita com bebida vegetal em vez de leite e linhaça em vez de ovos. Para além disso, é rica em gorduras saudáveis (sementes de cânhamo e coco).

Aveia no Forno com Frutos Silvestres

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de linhaça moída + 6 colheres de sopa de água morna
  • 2 chávenas de flocos de aveia
  • ½ chávena de amêndoas
  • ½ chávena de sementes de cânhamo Iswari
  • ¼ chávena de coco ralado
  • 1 Chávena de bebida vegetal
  • 1 scoop de Farinha de Aveia Sabor Frutos Silvestres
  • 1 colher de chá de fermento em pó ou goma xantana
  • 1 colher de chá de canela
  • 3 colheres de sopa de óleo de coco derretido
  • 1 chávena de frutos silvestres
  • 1 colher de sopa de aroma de baunilha
  • 4 colheres de sopa de Maple Syrup

Preparação

Pré-aquecer o forno a 150º e untar uma assadeira pequena com spray para cozinhar ou oleo de coco.

Numa taça pequena, combinar a linhaça e a água morna e coloque de lado para engrossar (cerca de 5 minutos).

Num recipiente grande, combinar os ingredientes secos: a aveia, as amêndoas, as sementes de cânhamo, o coco, a farinha de aveia, o fermento em pó e canela.

Noutro recipiente, combine os ingredientes molhados: a bebida vegetal, o óleo de coco, o maple syrup e o aroma de baunilha. Acrescentar a mistura de linhaça e misturar até ficar homogéneo.

Adicionar os ingredientes molhados ao recipiente dos ingredientes secos e misturar.

Colocar os frutos no fundo da assadeira e espalhar a mistura de aveia por cima.

Polvilhar com mais frutos silvestres, amêndoas, sementes de cânhamo e o coco ralado.

Levar ao forno cerca 40-50 minutos ou até a parte superior ficar douradinha.

Remover e deixe arrefecer uns 15 minutos antes de servir.

http://elecozinhaelalava.pt/2018/01/03/aveia-no-forno-frutos-silvestres/

Esta receita é flexível e adaptável ao teu gosto, sente-e à vontade para alterar a fruta em questão!
Esta é uma óptima opção para servir como pequeno-almoço ou num brunch, mas também pode servir perfeitamente como sobremesa se acompanhares com uma bola de gelado!

 

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com


De forma a conseguir comer a minha porção de vegetais tenho tentado integra-los em receitas, tais como bolinhos, panquecas ou waffles ou ver novas receitas!

O resultado foi:
Blondie Enigmática da Anaísa
Bolinhos de Chocolate e Cenoura da Lena
Panquecas de Sumo de Beterraba
Brownies de Cacau e Beterraba

Desta vez resolvi experimentar adicionar cenoura às minhas habituais Panquecas de Banana e Baunilha.
Ora vamos lá à receita:

Panquecas de Cenoura

Panquecas de Cenoura

Ingredientes

Preparação

Misturar os secos (farinha, fermento e canela) e os molhados (banana,leite,óleo de côco e gemas em separado deixando as claras de parte).

colocar os molhados numa liquidificadora, juntar as cenouras e triturar, adicionar depois os secos e triturar novamente até obter uma massa homogenea. Se for necessário adicionar mais água.

Por último envolver as claras ligeiramente batidas.

Deixar a massa repousar cerca de 15min e cozinhar numa frigideira anti aderente.

http://elecozinhaelalava.pt/2017/06/21/panquecas-de-cenoura/

Estas panquecas ficaram com uma linda cor laranja e igualmente fofinhas e deliciosas e mal se nota o toca da cenoura.

E tu como gostas das tuas panquecas?

Para ficares a par das novidades,
segue-me no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

468x60_Saude

 

Já parece, mas ainda não é Verão e ainda vais a tempo de ficar #FitForSummer!

Agora que o calorzinho já começa apertar, começar a usar roupa mais leve e a ter sempre uns calções e um bikini re reserva, não vá dar aquela vontade de ir à praia e morenar um pouco, não é?

Eu já comecei a trabalhar nesta “obra de arte” e tu do que estás à espera? O FitnessHut lançou agora um Pack #FitForSummer o preço vai desde 6,99€/semana e 10€ de inscrição inicial. Inclui utilização total do ginásio, acesso a aulas do grupo, uma consulta de nutrição trimestral e o serviço HUT2O (2 bebidas vitaminadas por dia).
Escolhe o teu clube Fitness Hut e quem sabe a gente não se encontra por lá! Vemo-nos no treino?

(Clica na imagem para mais informações)


Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

O caminho para atingir o nosso objetivo nem sempre é fácil e é muitas vezes demorado, o que implica que esse percurso vai ter altos e baixos, vai ter dias bons e dias maus.  Por isso, é importante manter o foco, a fé e a paciência que nos mantermos motivados.

Deixo-te aqui algumas ficas para manteres o foco para conseguires atingir os teus objetivos.

1. Objetivos realistas
Quando elevamos demasiado a fasquia, torna-se difícil atingir o objetivo. Todos querem atingir o “corpo perfeito”, é bom ser ambicioso, mas para isso é preciso tempo e paciência. Dica: Definir objetivos mais pequenos que, ao longo do teu percurso, contribuam para atingires o teu objetivo final.
96087db1658184874d73353778787907

2. Ter um Plano de acção
Depois de definido o objetivo importa definir o prazo e o que fazer para atingir. 
Desenvolver um plano de treino e alimentar é meio caminho andado. Dica: Recorre à ajuda de um profissional para desenvolveres um plano adequado a ti e aos teus objetivos fitness, de forma a atingires resultados mais rapidamente.

3. Trabalhar para atingir resultados
Sem treino e suor não há milagres.
Trabalha todos os dias para os teus objetivos, todos os minutos contam. Treina mesmo quando não te apetece, nem que sejam apenas uns minutos.
Alia isto a uma alimentação saudável e equilibrada e verás que será mais fácil alcançar os teus objetivos.
f9f982953369849e41386e2f9c4b4ecf

4. Sem desculpas
Contraria os pensamentos negativos e não arranjes desculpas para não treinar,  desculpas ainda não queimam calorias (infelizmente).
32acc7978ea03270dd3f44a5d59832c0
5. Companhia

Há quem prefira treinar sozinha e há quem não consiga treinar sem companhia. Se fazes parte deste ultimo grupo desafia os teus amigos e familiares a treinar contigo, lê aqui os benefícios de treinar com um parceiro.

6. Aprecia e valoriza as tuas conquistas
Mesmo que ainda estejas longe do teu objetivo, dá valor ao que já conseguiste alcançar.
Viver na insatisfação não faz nada por ti, a não ser desmotivar.
Dá valor ao teu esforço e orgulha-te nas repetições extra que conseguiste fazer no treino de ontem, da carga que conseguiste aumentar ou dos km extra que fizeste.
b3c63bfff3e08a4eb2acd306c6aaff43

7. Acreditar em ti
O corpo alcança o que a mente acredita.
Muitas vezes somos nós, com a nossa cabecinha que colocamos limitações ao nosso treino.
Acredita em ti e nas tuas capacidades, por muito que o treino te esteja a custar ele irá chegar ao fim, por isso dá o teu máximo e verás que compensa!

233f5ca0cd4b2ff064f10e2c4786a439
8. Compras
Sempre que me sinto um pouco mais down, gosto de ir ver pecinhas de roupa ou sapatilhas para treinar, ou até alguns utensilios que facilitem a minha “vida” na cozinha. Uma nova peça de roupa ou um par de Ténis motiva qualquer rapariga a ir treinar, tenho quase certeza que isto deve estar cientificamente provado! 😉

E agora, estás pronto(a) para ir treinar?

 

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

468x60_Saude