Foi no Foodie Meetup da Zomato Portugal, no passado dia 17 de Janeiro que fiquei a conhecer o restaurante MISTU. Um projeto dos responsáveis de um dos restaurantes mais badalados da Baixa do Porto, o Restaurante Flow.

Ricardo Graça Moura e Paulo Freire reabilitaram uma antiga serralharia e com ajuda de Rui Mingatos, chef executivo do Flow criaram um espaço acolhedor e uma carta com pratos do mundo.

O Mistu apresenta uma carta com imensas sugestões, dá agradar a gregos e troianos e o conceito é o de partilhar. Existem “pratos seguros”, mas aqui o melhor mesmo é arriscar! O chef consegue incorporar vários conceitos gastronómicos e criar um prato que desperta os cinco sentidos.

A carta divide-se entre sugestões frias e quentes e tive a oportunidade de degustar o Ceviche de Peixe Branco, Crudo de Salmão e Maracujá, “Causa” de Caranguejo de Casca Molhe e Abacate, Salada de Pato, Romã, Maça, Pinhões e Molho Hoisin. E a noite não se ficou por aqui! Foi-se prolongado com o Polvo acompanhado de Batata Doce, Edamame e Ovo a Baixa Temperatura, o Cupim de Boi com Puré de Abóbora e Cogumelos e um delicioso NY Strip Steak Maturado com puré de couve-flor. E, por fim, mas não menos importante o Fondant de Dulce de Leche, a Semi Esfera de Caramelo e Flor de Sal, a Tapioca de Gengibre e gelado de amendoim e a Panna Cotta de Manga com sorvete de Maracujá.
O conceito é dividir todos os pratos, mas eles são tão deliciosos que queremos é mesmo um de cada só para nós!

O Mistu não é um restaurante para se vir só comer, mas sim para vivenciar uma experiência. Desde a apresentação até à combinação de sabores, o Mistu não desilude. Arrisquem num prato que não conheçam tão bem, tenho a certeza que não se vão arrepender!

Se desejares apenas tomar um drink, existe um bar no primeiro piso com imensos e deliciosos cocktails de autor.

Zomato Gold
O Zomato Gold é uma subscrição (2 semanas / 6 meses / 12 meses) que te dá acesso a mais de 300 restaurantes em Lisboa com 2 por 1 – ou seja oferta de um prato em cada refeição. Todos os nossos seguidores podem ter um desconto de 25% na subscrição, basta utilizar o código ELACOZ no checkout.

O Zomato Gold é super fácil de usar: Só tens que subscrever, mostrar o teu telefone no restaurante e desfrutar da refeição.


Restaurante Mistu

<Foodprintz Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato
Facebook Zomato | Website
Rua do Comércio do Porto, 161, Porto

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

Para quem quer cozinhar mais saudável, aconselho vivamente este artigo super explicativo sobre substitutos no mundo da culinária. Aqui,  Joana do Camomila Limão responde a 10 perguntas comuns e deixa-nos ainda com algumas dicas.

Pergunta n.º 1: Posso reduzir/substituir o sal?
Dica: o sal pode ser reduzido – ou, praticamente, omitido – utilizando ervas aromáticas.
Por sua vez, sempre que utilizarmos sal, devemos utilizar flor de sal porque tem mais nutrientes.
O Sal e Vida (sal 100% natural, com 5 vezes menos sódio) também é um bom substituto do sal.

Pergunta n.º 2: Posso reduzir a gordura (azeite, óleo, manteiga) nos bolos?
Dica: nos cozinhados com manteiga, substituo a tradicional manteiga por becel culinária (ou por outro creme vegetal) porque é mais saudável.
Em termos de quantidade, num bolo médio (com 2 chávenas de farinha e 1 chávena de açúcar), é suficiente utilizar 1/3 de chávena de gordura.
Contudo, esta pode ser reduzida – ou, em certos casos, omitida – substituindo-a por iogurte natural. Além de enriquecer o bolo com cálcio, deixa-o macio e mais saudável. Podem dividir a quantidade de manteiga entre iogurte e manteiga (creme vegetal) ou substituir a manteiga, na íntegra, por iogurte natural.
A banana (esmagada) também pode substituir a manteiga em certos bolos.
Nos bolos de chocolate, a manteiga pode ser integralmente substituída por beterraba. O sabor não é, praticamente, alterado e o bolo fica muito mais saudável.
Na mousse de chocolate, podem optar por abacate em detrimento de manteiga.
Quando utilizarem óleo, optem por óleo de amendoim (não satura a altas temperaturas) ,  óleo de girassol por serem mais saudáveis ou óleo de coco (esta tem sido a minha opção).
Na confecção de alguns bolos (v.g. bolo de laranja, bolo de limão), o óleo pode ser substituído por sumos de fruta. É uma questão de irem experimentando.

Pergunta n.º 3: Nas receitas salgadas, devemos utilizar manteiga ou azeite?
Dica: nos pratos salgados, prefiro utilizar azeite virgem extra, de preferência biológico, e com o máximo de 0,2 de acidez. Temos o privilégio de viver no país com  o melhor (ou, pelo menos, dos melhores) azeite do mundo! Temos azeite português com qualidade fenomenal e com um preço bastante simpático!
Além de ser mais saudável (e ótima fonte de vitamina A, D e E), a opção pelo azeite é ainda mais evidente dado que a manteiga queima mais facilmente.

Pergunta n.º 4: Posso fazer sopa sem refogar, previamente, os legumes?
Dica: Nas minhas sopas, os legumes são apenas cozidos em água. Além de ser muito, muito mais saudável, a qualidade da sopa não é alterada dado que, no final, adiciono um fio de azeite e/ou por ervas aromáticas.

Pergunta n.º 5: Como posso reduzir/substituir o cacau nos bolos?
Dica: a farinha de alfarroba é ótima para o efeito! O bolo fica visualmente bonito e com um sabor divinal. Podem misturar cacau em pó com farinha de alfarroba ou, simplesmente, substituir a quantidade total de cacau em pó por farinha de alfarroba.
Para quem não prescinde de chocolate, deve optar por chocolate com 75% de cacau: é puro chocolate sem açúcar ou gordura extra (ou, pelo menos, adicionada em menor quantidade!).

Pergunta n.º 6: Posso substituir os ovos nos meus bolos?
Dica: a linhaça é um ótimo substituto do ovo nos bolos! Uma (1) colher de sopa de sementes de linhaça equivale a 1 ovo. Para tal, devem triturar, previamente, as sementes na trituradora.

Pergunta n.º 7: Posso substituir as natas?
Dica: na maioria das receitas, as natas podem ser substituídas por iogurte natural. Se pretendem uma sobremesa/recheio mais cremosa(o) e consistente, devem optar por um iogurte mais substancial, v.g. iogurte grego.
Acreditem que podem, facilmente, substituir natas por iogurte natural no cheesecake, na barvaroise, mousse de frutas ou no recheio de bolos. Para que as sobremesas fiquem consistentes sem utilizar natas, podem utilizar iogurte natural com um pouco de gelatina em pó!
O requeijão também é um excelente substituto das natas nos pratos salgados (v.g. quiches, massas).

Os intolerantes à lactose podem substituir as natas tradicionais por iogurtes naturais sem lactose ou por natas de soja.

Pergunta n.º 8: Posso substituir/reduzir o açúcar?
Dica: nos bolos médios, é suficiente utilizarem 1 chávena de açúcar para 2 chávenas de farinha.
Por sua vez, se reduzirem 1/3 da quantidade de açúcar mencionada na maioria das receitas o sabor não se altera e a saúde agradece!!
Optem por açúcar amarelo (ou mascavado) em detrimento do açúcar mais refinado ou pelo Açúcar de Coco (esta é a melhor opção).
O mel, a geleia de agave ou geleia de arroz  são ótimos substitutos do açúcar quer em bolos, bolachas, biscoitos ou chás/cafés.

Pergunta n.º 9: Posso substituir/reduzir a quantidade de farinha “branca”?
Dica: para obterem bolos mais saudáveis, podem utilizar metade de farinha branca e outra metade de farinha integral. Se o bolo ficar pesado ou  seco, podem utilizar 2/3 de farinha branca e 1/3 de farinha integral.
Para quem tem problemas digestivos: podemos substituir, na íntegra, a farinha de trigo por farinha de espelta ou farinha de arroz.

Pergunta n.º 10: Posso substituir o fermento químico na confecção de bolos?
Dica: se não tiverem fermento químico em casa, podem utilizar bicarbonato de sódio: quando aquecido faz o bolo crescer ou Goma Xantana.