Já não é a primeira vez que visitamos a Holanda e sempre que existe uma promoçãozinha nós aproveitamos para uma escapadela. Desta vez resolvemos ir visitar uns amigos a Utreque.

Apanhamos o avião em Lisboa diretamente para o aeroporto de Schiphol, passamos a noite em Amesterdão e aproveitamos para dar umas voltinhas pelas ruas, apesar do tempo estar bastante fresquinho!

O que fazer em Amsterdam

Aconselho vivamente a tour de barco pelos canais, uma ida ao Red Light District (um conselho: não tires fotos às meninas) e aproveita ainda para visitar o Museu de Van Gogh, realizar a Experiência Heineken (tour), visitar o Museu da Madame Tussauds, dar um passeio pela Praça Dam, conhecer o Vondelpark, visitar o Rijksmuseum ou a casa de Anne Frank (ela está atualmente a sofrer remodelações por isso devem reservar os bilhetes online com antecedência pois tanto o número de visitas como os horários são limitados). Na praça dos museus podes tirar a típica foto com o “I AMSTERDAM”

Visitar Utreque

No final do dia apanhamos o comboio para Utreque (Utrecht na língua Holandesa), uma cidade no coração da Holanda com imensa história e com imensos canais, tipicamente característicos da Holanda. É também conhecida pela torre do Domo, com 112 metros de altura, a torre de igreja mais alta do país. É uma cidade com muita gente, imensos restaurantes e muitos bares.

O que visitar em Bruges

Um dos motivos que nos incitou a visitar esta cidade foi o filme In Bruges, com Colin Farrell e Ralph Fiennes, de humor negro.

BELFRY – o Campanário de Bruges
É lindo por fora, para além disso podes subir os seus 366 degraus e admirar a vista panorâmica da cidade.

Existe muita coisa para visitar, mas apenas tínhamos interesse em visitar a famosa torre do filme e aproveitamos o resto da tarde para passear pela pequena cidade e descontrair ao quentinho num café típico.
Apenas passamos uma tarde na cidade de Bruges, mas saímos completamente encantados com o seu charme.




Booking.com

Onde  e o Que Comer

Hoje em dia sem a limitação do roaming é muito fácil aceder ao tripadvisor e ver quais os restaurantes que estão perto de nós, ver comentários e pontuação dos mesmos. No entanto vou deixar aqui as minhas escolhas:

Carousel Pancake House, Amesterdão
Existem imensos sitios para comer as tão deliciosas waffles, mas optei por andar um pouquinho mais até este cafézinho. Aqui podem encontrar as Poffertjesas mini panquecas tipicamente holandesas, e recomendo vivamente, estavam uma delícia, já as waffles são boas, mas nada de especial.

Stroopwafel
O stroopwafel é um biscoito de típico holandês. Em qualquer lado vocês vão ver estas bolachinhas à venda, até nas roulotes de rua. Cá em Portugal vocês já encontram em imensos sítios à venda. Da última vez que fui lá fiquei com o bichinho de antes de me deitar beber um cházinho e comer uma bolachinha destas e cheguei a comprar no Celeiro.

SLA
Na Holanda já existe imensa oferta no que toca a comida saudável, opções vegetarianas, sem glúten e sem lactose. Aqui é fácil combinar o estilo de vida saudável com uma vida agitada. O SLA é um restaurante de saladas orgânicas, aqui podes comer bem, saudável, limpa e forma consciente.

GYS, Utrecht
É também um restaurante de alimentos e bebidas biológicas, mas possui mais do que saladas no seu menu. Enquanto o SLA por norma está bastante vazio, este está quase sempre abarrotar!

Bagels & Beans, Utrecht
Um restaurante pequeno, com alguns produtos biológicos, bagels sempre frescos e deliciosos. O sítio ideal para comer um bom Bagel.

Rocking Chair, Utrecht
Um lugar bastante badalado por Utrecht, ideal para um lanche ou pequeno-almoço. Deste Scones, Banana Bread a Matcha Latte. Imensas opções saudáveis, sem glúten e sem lactose. Vale a pena a visita!

Kruidnoten
Tal como o Ferrero rocher, o Kruidnoten só aparece nesta altura do ano e são biscoitos típicos de Natal.

Gevulde speculaas
Também típico da época natalícia é um bolo que combina os   deliciosos condimentos do speculaas (gengibre, canela e noz-moscada) com pasta de amêndoa como recheio. Este docinho por norma só se encontra nos supermercado ou em padarias.

Go. Fre – Waffle on a Stick, Bruges
Passei por esta loja e fiquei a babar, não por ser apenas uma waffle num espeto, mas pelas imensos cobertos e combinações existentes. Dentro da loja é possível comprar para levar para casa, como fazer o teu próprio Waffle on a Stick com as coberturas desejadas e comer quentinho na hora. Uma ideia genial para comer uma delícia enquanto se visita o resto da cidade.

2BE BAR, Bruges
Um bar com uma entrada impressionante com uma invejável coleção de cervejas e respectivos copos e uma vista excelente para o canal da cidade.

 Os tradicionais chocolates
Em qualquer lado, quer em Amesterdão, Uterque ou Bruges, aproveita para comprar chocolates!

Já visitaram estas cidades? O que é que mais gostaram?

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

468x60_Saude

Hoje apetecia-me uns belos waffles, mas queria experimentar uma receita diferente. Esta é um pouco adaptada daqui a.healthy.nut .

Tem chocolate, por isso o que é que pode correr mal? Vamos lá à receita:

Waffles de Cacau e Chia

Ingredientes

  • 1 Ovo de Chia (1 c. de sobremesa de chia + 3 de água)
  • 30gr de proteína de chocolate (utilizei a Proteína de Ervilha da HSN)
  • 1 c. de sopa de cacau para intensificar o sabor (opcional)
  • 2/3 c. de sopa de Maple Syrup ou outro adoçante
  • 100gr de Farinha de Arroz(ou outra sem gluten)
  • 300ml de Bebida Vegetal sabor Chocolate de preferência sem açúcares adicionados

Preparação

Para fazer o ovo de chia, basta colocar uma colher de sobremesa de chia com 3 colheres de sobremesa de água num recipiente por alguns momentos. A mistura deve ficar com aspecto gelatinoso. (mais ao menos 5 a 6 minutos)

Pré-aqueça a máquina dos waffles e prepare a mistura juntando todos os ingredientes num recipiente e mexendo muito bem.

Pode untar a máquina de waffles com oleo de coco para não colarem.

Depois é só despejar a massa para a máquinas das waffles e aguardar. Repita até não sobrar massa.

http://elecozinhaelalava.pt/2017/08/24/waffles-de-cacau-e-chia/

Estes waffles ficaram tão bons, tão bons que até Ele perguntou se eram saudáveis!

Para ficares a par das novidades,
segue-me no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

468x60_Saude

Quer seja para matar aquela vontade por um doce ou para oferecer, estes bombons são uma óptima opção.

A receita destes bombons faz parte das sugestões de Natal DIY da Vânia, do Made by Choices.

A manteiga de amendoim é da MyProtein, mas podem usar  caseira, podem ver a receita aqui.
Se não forem fãs de manteiga de amendoim, podem usar outras manteigas de frutos secos (amêndoa, caju, avelã..).
Estes bombons são como a Vânia diz: muito simples, decadentes e d e l i c i o s o s!

Receita de Bombons Recheados com Manteiga de Amendoim

Tempo de Preparação: 

Tempo de Execução: 

Tempo Total: 

Serve: 15

Tamanho: 16

Calorias: 52

Gordura: 4

Ingredientes
  • 100gr de chocolate (pelo menos 70% de Cacau)
  • Manteiga de amendoim
Instruções
  1. Derreter o chocolate em banho maria e forrar o fundo e as laterais de formas de papel vegetal e levar ao frigorífico até solidificar.
  2. Depois é só rechear com manteiga de amendoim e cobrir com o restante chocolate.
  3. Vai ao frigorifico até estarem sólidos.
  4. Desenformar e está pronto!

* A Informação Nutricional é por bombom. A receita dá para 16 bombons.

Podem ver aqui o vídeo que a Vânia fez:

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com