Está tudo (mais ao menos) pronto para…a minha primeira Maratona

Categories Fitness e Cenas

Eis o resumo desta preparação:
Distância: +/-600 quilómetros
Treinos: 44

Mas vamos ao que interessa…

Faltam 15 dias para a minha primeira Maratona e vou entrar agora na fase de tapering, que consiste basicamente numa redução da carga de treinos antes de uma prova importante.
Não vou deixar de treinar, pois o corpo necessita na mesma de estímulos, mas vou treinar menos e descansar mais, porque tal como diz a Isabel Silva “a recuperação é tão ou mais importante que o treino” e eu, bem ou mal, já fiz o meu.
Apesar de ter tido um contratempo nestas últimas duas semanas que me deixaram de rastos, sem motivação para treinar e com vontade de desistir da Maratona, também tido imenso apoio e visto que passei os últimos meses a treinar no duro não vou desistir e vou dar o meu melhor.

Apesar de tudo não podia estar mais orgulhosa nesta preparação, quem diria que ira conseguir fazer 33KM seguidos ou cerca de 70km por semana?

Eu não sou nenhuma atleta e sei que existem milhares de corredores mais rápidos do que eu e outros tantos que fazem isto com uma perna às costas (literalmente), mas como eu mencionei em vários posts, não nos devemos comparar com ninguém: Cada pessoa é única, assim como cada jornada.

Tenho treinado ao meu próprio ritmo, tenho ouvido o meu corpo e o mais importante é que tenho tentado disfrutar de cada treino.
Cada treino longo para mim foi uma vitória, a cada treino longo fiz a festa, lancei foguetes e apanhei as canas. Tive sempre orgulho em mim! 

Primeiro, e mais importante de tudo: nos treinos longos que fui fazendo, fui testando e encontrei a fórmula a nível alimentar para ter um treino sem qualquer “revolta interior”.
A opção passa por garantir que no dia anterior  o meu jantar/ceia é bem carregadinho de hidratos de forma a garantir que tenho energia da manhã seguinte.  Acordo, tomo um pequeno-almoço rápido (algo com banana + aveia + uma boa dose de proteína) e arranco com o meu treino.
Desta maneira, sinto-me bem durante toda a manhã e sem fome.
Para já vai ser esta a fórmula a utilizar para a Maratona do Porto.

Segundo, a nível de equipamento: testei tudo, desde sapatilhas, calções, soutiens, cintos, braçadeiras, headphones, etc etc etc.
Vou levar o cinto da Patuá, com os calções da Compress Sport, as Nike Zoom Pegasus 34, o Soutien da Decathlon, e o top da Running Espinho.
Os headphones Jabees, com os quais não sinto qualquer desconforto.  A nível de geís também testei durante os treinos longos, mas a verdade é que vai depender bastante das condições do dia e de como me sentir. Tendo em conta que existe água de 5 em 5km conto tomar um gel ao KM 15 e outro ao KM 30, vou levar um gel extra just in case e uma barrita caso me dê a fomeca.

Espreita aqui o percurso: Martona do Porto

Se me tivessem perguntado há duas semanas como me sentia em relação à Maratona no Porto, sorria e com um nervosinho miúdinho diria que estava pronta a enfrentar a prova rainha, mas tendo em conta estas últimas duas semanas e o meu estado de espírito atual, só posso dizer que nas semanas que se avizinham vou tentar cuidar de mim o suficiente para no dia 4 ter a mente e coração no sítio certo para enfrentar a Maratona.

Se me quiseres seguir no dia 4 de Novembro, este é o meu número: 7543

Para ficares a par das novidades,
segue-nos no Facebook aqui
e/ou no Instagram @elacozinha,

Se quiseres entrar em contacto comigo
envia-me um e-mail para elecozinhaelalava@gmail.com

1 thought on “Está tudo (mais ao menos) pronto para…a minha primeira Maratona

  1. Não se deixe levar pela mente, pois é traiçoeira, mas sim pelo coração. E esse diz-lhe que tudo irá correr bem, porque fez o melhor que sabia e deu o máximo. Naturalmente que se sente nervosa, mas não ponha tanta pressão. Boa sorte para Dia 4. Força, muita força

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.