Ainda durante a gravidez somos aterrorizadas pela Síndrome da Morte Súbita do Lactente (SMSL) e nada mais nada menos que a morte súbita e sem explicação do bebé durante o primeiro ano de vida. Sabe-se que a SMSL é mais comum entre os dois e os quatro meses de idade (raro após os seis meses de vida), ocorrendo com maior frequência em meninos e existem um conjunto de medidas que os pais têm em atenção quando o bebé vai dormir de modo a diminuir a probabilidade da SMSL. Ler Mais

Estamos agora com 37 semanas e o balanço é positivo!

A gravidez tem sido muito tranquila, apenas com a crise de cólica renal que me obrigou a abrandar e a descansar mais desde a semana 28.
E apesar de ser uma pessoa que odeia estar parada sem “nada” para fazer, a verdade é que o cansaço e o desconforto às vezes levam a melhor de mim e os meus dias têm sido passados a descansar e não me senti “aborrecida”. Muitas vezes estou a ver TV ou a olhar para o telemóvel e sinto a necessidade imediata de fechar os olhos e passar pelas brasas.
Tenho aproveitado para, com muita calma, arrumar as coisinhas aqui por casa e preparar a chegada da pequena Carolina.

Férias
Tal como vos falei, estas férias foram passadas na comporta com muito descanso, sol e comidinha boa! Ler Mais

Chegamos às 34 semanas… Parece que foi ontem que soubemos da gravidez e agora a nossa Carolina está quase a chegar!

Como gosto de ter tudo bem tratado e adiantado, já comecei a tratar da mala da maternidade, algo aconselhado fazer pelas 32/34 semanas de gestação, pois há bebés que gostam de fazer partidas e chegar mais cedo e não vá a Carolina ser apressada como a Mãe! Ler Mais

É normal sentir alguma desconforto no último trimestre da gravidez, não é à toa que se fiz que costuma ser o mais difícil.

O desconforto e muito dos sintomas aumentam de intensidade:
– Azia e indigestão
– Falta de ar
– Dor de costas
– Cansaço
– Obstipação

Estes e outros desconfortos fazem parte da gravidez (umas grávidas acabam por sofrer mais que outras). Saber como aliviá-los é essencial para viver uma gravidez calma e tranquila.
Ler Mais

De forma a que a gravidez corra de maneira mais tranquila e saudável possível existem uns quantos cuidados que podemos ter antes de engravidar.

A primeira passa por marcar uma consulta de ginecologia/obstetrícia e uma consulta pré-conceção no centro de saúde (gratuita).

Nesta altura o médico vai recomendar a suplementação de ácido fólico e uns quantos exames e análises que permitem a despistar de várias doenças, como a hepatite B, rubéola, toxoplasmose, doenças sexualmente transmissíveis, entre outras. É importante que referir que a vacinação deve estar em dia.
Para além disso, por volta das 32 semanas é administrada a vacina da TDPA, uma vacina combinada contra a tosse convulsa, o tétano, e a difteria, em doses reduzidas. Assim o vosso bebé fica protegido à toma da vacina que será por volta dos 2 mesinhos. Se o vosso bebé for nascer no inverno e a vacina da gripe já estiver disponível para a toma (entre outubro e março) também podem solicitar no vosso centro de saúde (não é obrigatória).

Muito importante, verificar se existem problemas a nível da tiroide, diabetes, artrite reumatóide, doenças renais, tensão arterial,ou problemas de coração.
Não fiz previamente qualquer exame à tiróide, mas também não tinha qualquer sintoma. O primeiro exame que fiz mostrou valores alterados e a verdade é que neste momento não sabemos que a condição já existia antes da gravidez.
Por volta das 28 semanas também tive uma crise de cólica renal e como também não fiz um exame anteriormente (nem tinha qualquer sintoma) também não sabemos se esta condição foi causada devido à gravidez.

Portanto, aqui o meu conselho é… para além dos exames que o médico vos passe peçam um exame à tiroide (para medir o nível de TSH e depois logo se vê) e uma ecografia aos rins. Se for necessário eliminar alguma pedra maior conseguem fazê-lo antes de engravidar porque depois não podem fazer qualquer tipo de tratamento a não ser anti-inflamatórios e aguentar! Ler Mais